Vassoural, de Sylvia Orthof

A bruxa tem um jardim
plantadinho de vassouras.
Quando as vassouras se esticam,
amarelam, bem maduras,
elas se largam do chão
e voam pra noite escura.
Varre, varre vassourinha,
varre o preto e mostra a lua,
varre a noite, limpa a estrela,
poesia ninguém segura!

hummmm Arabela adora bruxas.

Nenhum comentário: