Pessoas e lugares

No sábado dia 06.12.14 estivemos em Sandovalina, uma cidade que fica há 627 km de São Paulo. A viagem foi bem cansativa. Saímos de SP às 21 horas, chegamos na cidade às 5 horas da manhã. Como nossa primeira apresentação era às 10h, tínhamos poucas horas de sono. A cidade tinha apenas um hotel, com preço exorbitante. Diante das poucas horas de sono que teríamos, conversamos com a vice diretora da escola, professora Creusa, conhecida no município por Creusinha. Ela providenciou um local para repousarmos: Espaço Arco Íris, uma casa de apoio do município, gerido pelo Governo do Estado de São Paulo. O local era agradável. Parecia uma escola infantil, com mesinhas, cadeirinhas e banheirinho para crianças. Fomos recepcionados pela cantoria de quatro galos tenores. Os de sono leve, como eu, não dormiram, claro! Iríamos "acordar" às 7 horas da manhã. Nem precisamos do despertador, pois neste horário, 200 crianças chegaram ao Espaço Arco Íris. Foi "Osso", gíria usada pelos músicos quando o trabalho é cansativo. A trupe tomou um banho rápido e seguiu à procura de uma padaria. Ahhha, numa cidade de 4.000 habitantes, padaria é artigo de luxo. Achamos um boteco. Café melado. Duas pessoas para atender. Eramos 7.... Superlotamos o local. O café melado acabou. E agora? Vamos para a escola, nossa apresentação é daqui à pouco! Seguimos. Estávamos exaustos. Ao chegar na escola, já esperando pelo pior, fomos recebidos pelo sorriso e carinho da professora Creusinha, que nos esperava com café fresquinho, leite da fazenda, pães, queijo, presunto e suco. Como num passe de mágica, o cansaço passou. Começamos a organizar nosso espaço e fizemos nosso show.Dois: um às 10 horas outro às 14 horas. Saldo Positivo. Dois periquitos apaixonados estavam na frente da escola e abençoaram nossa viagem de volta à São Paulo. Sandovalina, até a próxima!

Nenhum comentário: